logo
Não estamos preocupados se seu site está bonito ou se você tem curtidas, estamos preocupados em te dar resultados. Fale conosco agora e vamos cuidar de aumentar seu faturamento

Marketing Móvel

Links patrocinados (PPC)

Otimização de taxa de Conversão

Email Marketing

Analise de Presença Online

Entre em contato
Tentamos oferecer sempre uma comunicação direta e aberta com nossos clientes

21 3173 - 7754

contato@otimize.me

Top

Campanhas de e-mail marketing

Otimize.Me / Inbound Marketing  / Campanhas de e-mail marketing
Campanhas de e-mail marketing

Campanhas de e-mail marketing

Pode ser surpreendente, mas um dos canais de marketing com melhor retorno ainda é o e-mail marketing. Sim, aquelas mensagens que chamão a atenção em sua caixa de entrada. Não, não pense em spams e as mensagens que apenas lotam sua caixa.

Os e-mails são um dos métodos mais eficazes de nutrir a relação com os leads, isto é, clientes em potencial que concederam informações para contato à sua empresa.

Uma estratégia bem elaborada de e-mail marketing  desenvolve a relação de confiança entre lead e empresa e os prepara para se tornarem clientes fieis.

Campanhas de e-mail marketing

Antiquados ou não, os e-mails têm resultados comprovadamente incríveis. Uma das nossas fontes é o “Email Marketing Industry Census”, realizado pela Econsultancy em parceria com a Adestra.

Esse estudo indica que o e-mail marketing é a estratégia de marketing digital com melhor retorno de investimento, segundo os 73% dos entrevistados que o avaliaram positivamente.

A questão é: como conseguir um retorno tão positivo se a maior parte dos e-mails que recebemos de empresas parecem spam ou simplesmente não são interessantes?

A chave é uma segmentação bem-feita, que diferencia os e-mails que serão enviados para cada lead com base nos seus interesses.

E como podemos saber desses interesses? A partir das interações que temos com eles. Cada ação de um usuário cadastrado é registrada, cada resposta dele a um e-mail também.

Um lead que mostrou interesse em uma postagem de um blog é diferente de outro que efetuou uma compra. Observar esse padrão é o caminho para enviar e-mails personalizados e eficientes.

Mas vamos começar pelo começo.

As listas de contatos no e-mail marketing

Adquirir leads e formar uma lista de e-mails é um passo crucial para poder desenvolver campanhas de e-mail marketing. Sem eles, literalmente não seria possível. Para isso, existem alguns meios.

O mais rápido e menos recomendado é a compra de listas. Isso significa enviar e-mails para pessoas que nunca demonstraram interesse em sua empresa. Em outras palavras, tudo o que você enviar para essas pessoas será spam.

E, pior ainda, as caixas de entrada delas provavelmente já estarão lotadas de spam de todas as empresas que compraram essa lista. Não é uma estratégia muito eficaz.

O método mais adequado, mesmo que leve mais tempo e esforço, é conseguir que seus visitantes informem a você seus endereços de e-mail por livre e espontânea vontade. Ou quase isso. Você deverá oferecer incentivos para conseguir esses preciosos dados para contato.

Além dos call-to-actions gratuitos, isto é, botões com ações que, quando clicados, direcionam o usuário para uma página onde a ação será realizada (ex.: “Inscreva-se na nossa newsletter”), você pode oferecer produtos úteis em troca dos e-mails. Esses produtos vêm em forma de conteúdo: e-books, workshops, etc.

É simples: ofereça algo interessante para o seu público e peça-os para cadastrarem os e-mails em troca. Assim, eles aceitarão receber e-mails da sua empresa e não ficarão surpresos ao vê-los na caixa de entrada. Não será spam.

Segmentação de público no e-mail marketing

O próximo passo para evitar e-mails desinteressantes, que não refletem o público, é a segmentação. Você não deve ter apenas uma lista de e-mails, mas várias.

Cada lista deve ser categorizada com base nas características individuais que as diferenciam, isto é, o público que elas abrangem.

É interessante ter uma lista para clientes fieis, outra para leads que ainda estão sendo convertidos em clientes. Listas para usuários interessados em determinado assunto, ou que pertencem a determinada faixa etária. Por aí vai.

Nunca enfie todos os seus leads em uma única caixa. Eles não são “farinha do mesmo saco”.

Como explicado acima, para fazer essa segmentação, é necessário observar o comportamento dos leads. Cada ação tomada é um indício do perfil no qual ele se encaixa.

Uma segmentação inteligente acompanha os padrões e mudanças, sempre se adaptando ao perfil que mais se encaixa ao lead no presente. De outra forma, não seria possível concluir a conversão de um lead para cliente.

Vamos entender melhor como é possível observar esse padrão a seguir, na escolha de modelos de campanhas de e-mail marketing.

Modelos de campanhas de e-mail marketing

Na elaboração de uma campanha, você deve definir os objetivos de marketing e, então, escolher o modelo de e-mail mais adequado. Existem diferentes modelos para diferentes propósitos.

Saber o que você pretende alcançar com uma campanha é importante não só para direcioná-la e personalizá-la com eficácia, mas também para poder acompanhar os resultados depois.

Entre os modelos de e-mail mais comuns, estão os informativos, promocionais e de confirmação. Pode-se dizer que cada um deles é uma categoria que abrange uma variedade de possíveis e-mails. O conteúdo específico dos seus e-mails depende das necessidades do seu negócio.

Campanhas de e-mail marketing informativas

A newsletter é um modelo de e-mail informativo muito útil para nutrir a relação com os leads. A proposta não é vender um produto específico, mas informar os destinatários sobre novidades ou conteúdos interessantes.

Nesse modelo de e-mail, você pode avisar os leads sobre novas postagens no blog da sua empresa, por exemplo. Manter uma boa periodicidade é importante. Não deixe que seus leads se esqueçam de você e do conteúdo de qualidade que sua empresa oferece.

Devido ao foco informativo, seus leads não serão pressionados a fazer uma ação específica. Em vez disso, eles têm várias opções diferentes, e a escolha de cada um será considerada na segmentação de campanhas futuras. É uma maneira eficaz de acompanhar o padrão de comportamento dos leads.

Campanhas de e-mail marketing de confirmação

E-mails de confirmação ou transacionais não têm como objetivo a divulgação, sua função é provar a confiabilidade da empresa. São e-mails esperados pelos leads após algum tipo de transação.

Se você fez uma compra, download de algum material, cadastro ou solicitação de uma nova senha, qualquer uma dessas ações poderá gerar um e-mail de confirmação.

Como o objetivo desses e-mails é bastante simples, o conteúdo também deve ser. Uma mensagem curta e direta é o suficiente para informar a confirmação de uma transação. Não “encha linguiça”, não fale mais do que o necessário. Ninguém tem paciência para e-mails com textos longos demais.

Ao escrever e-mails, tenha em mente que os usuários provavelmente nunca lerão o conteúdo na íntegra. Até mesmo o “curto” pode ser longo demais na era do limite de caracteres.

Campanhas de e-mail marketing promocionais

O modelo mais agressivo, por assim dizer, é o promocional. Essas campanhas são direcionadas a vendas ou conversões. Você tem um produto, que pode ou não ser gratuito, e está oferecendo-o diretamente para os leads.

E-mails promocionais são as campanhas mais próximas do marketing tradicional. Por isso, é necessária uma boa dose de criatividade no conteúdo.

Diferentemente dos e-mails informativos, aqui não é o texto que ganha foco. É mais interessante utilizar imagens atraentes e texto curto e persuasivo, com um call-to-action direto ao ponto, como “Compre agora”.

Lembre-se, para que os leads confiem na relevância das suas mensagens, é importante que eles acreditem que o produto oferecido realmente vale a pena.

Se você está elaborando uma campanha promocional, foque em produtos e serviços novos, exclusivos, descontos, informações que o seu cliente provavelmente não tinha antes de abrir o e-mail.

Estratégias para campanhas de e-mail marketing

Já falamos dos conceitos básicos de e-mail marketing, como segmentação de público e modelos de campanhas. Mas como botar esses conceitos em prática com uma estratégia & automação de e-mail marketing eficaz? Confira algumas dicas para elaborar boas campanhas de e-mail marketing:

Use um assunto chamativo

Ter em mente seus objetivos é sempre muito importante na hora de desempenhar uma tarefa. Se a sua tarefa é desenvolver o assunto de um e-mail de marketing, o mais importante é fazer com que o e-mail seja aberto. Por isso, o assunto deve ser atraente e deixar o destinatário curioso. O conteúdo vem em segundo lugar, no corpo do e-mail.

Ofereça conteúdo de qualidade e bem estruturado

Você quer que seus leads se arrependam da assinatura da lista de e-mail? Então você deve apresentar conteúdo de qualidade em todas as comunicações. Mostre que leva a sério o tempo que seus clientes gastam com você. Todo e-mail deve valer a atenção dos seus leads.

Apresente um design atraente

Ter um design interessante aumenta a qualidade do e-mail. Não abuse do texto, isso pode tornar as mensagens entediantes. O ideal é investir em design atraente, que melhore a leitura do texto, destaque os produtos, serviços e conteúdos oferecidos e, no geral, torne o e-mail esteticamente agradável.

Destaque os calls-to-action

Fazer com que seus leads cliquem nos calls-to-action é um dos objetivos do e-mail marketing. Afinal, você não quer apenas dar “oi” para seus leads. Sua ideia é fazer com que eles comprem seus produtos, visitem seu site, se tornem clientes fieis, não é mesmo? Para isso, é importante elaborar o conteúdo de maneira que o call-to-action faça sentido, seja apresentado no momento que o destinatário estiver pronto para clicar e esteja bem visível.

Formate adequadamente

A formatação dos e-mails é assunto sério em campanhas de marketing. Para que os destinatários continuem acessando suas mensagens, você deve oferecer a melhor experiência possível ao usuário.

Isso inclui e-mails que abram com facilidade, sem apresentar problemas ou demorar demais. E-mails que consistem exclusivamente de imagens não serão abertos imediatamente na maior parte dos dispositivos e podem, inclusive, parar na caixa de spam.

Não envie spams

Tudo bem, você nunca teve a intenção de enviar spam. De qualquer forma, é preciso tomar cuidado para que os destinatários ou os próprios servidores não interpretem seus e-mails dessa forma. Envie sempre conteúdos relevantes, com algo além de imagens e em uma frequência aceitável.

Não é bom deixar seus leads esquecerem de você, mas também não é muito legal lotar suas caixas de entrada com centenas de mensagens por dia. E, por fim, garanta que a assinatura seja opcional. Seus leads têm o direito de não querer mais receber seus e-mails.

Personalize o conteúdo

Não basta apenas segmentar. É interessante personalizar os seus e-mails para que eles pareçam feitos para cada um de seus leads. Isso não quer dizer forçar uma familiaridade entre você e seus contatos, mas sim usar todas as informações que você tem para se comunicar diretamente com o público de cada e-mail. Direcionar os e-mails com base no interesse de seus leads é uma excelente estratégia.

Envie na hora certa

Os horários do seu público dizem muito sobre a probabilidade dos e-mails enviados serem abertos ou não. Procure enviar as comunicações nos momentos mais adequados. A notificação de e-mail no celular atrai mais a atenção do que um e-mail entre muitos na caixa de entrada.

Para muitas pessoas, o ideal é receber e-mails durante os horários de descanso, à noite, no almoço e aos fins de semana, por exemplo. Investigue o melhor horário para o seu público-alvo.

Acompanhe os resultados

Essa etapa é o final de uma campanha e o começo de muitas outras. Após elaborar sua estratégia com carinho e enviar os e-mails, nunca deixe de acompanhar os resultados. Só assim você entenderá seus erros e acertos e poderá melhorar ainda mais a segmentação de público.

Os resultados de uma campanha são conhecimento que deve ser utilizado como base na elaboração das próximas estratégias.

E agora, já se convenceu de que o e-mail marketing é um excelente canal no qual deve investir? Acredite, se você tem interesse em nutrir o relacionamento com os leads (e você deveria ter), não deixe de investir. Organize campanhas personalizadas, com objetivos claros e bem direcionadas, capriche no design, conteúdo e formatação. Conquiste seus leads.

Compartilhe
Não há Comentários

Postar Comentário